Juliano Baumgarten

Ideologia de Gênero

Pensei muito essa semana em qual assunto iria escrever, geralmente escrevo algo que chama a atenção das discussões do momento, por que acho importante fazer uma analise de um ponto de vista sociológico. Outra preocupação é esclarecer mitos e fato fazer o leitor refletir sobre o meu ponto de vista. O assunto da vez busca esclarecer o mal entendido sobre a suposta Ideologia de gênero.

Quando se elabora um plano de educação seja ele em qualquer das esferas ,ou seja, municipal ,estadual ou federal ele é escrito por técnicos de educação ,logo veremos que os grandes autores são os professores. O que se busca nesse plano é elevar as metas e buscar estratégias para alcança-las. Outra luta é a de inclusão seja ela de qualquer gênero, afinal a escola é um  local que deve propiciar a inclusão e o local ideal para discussões. Quando se escreve qualquer plano que seja para o coletivo se busca ter neutralidade, afinal no momento em que os docentes escreverem um plano que caracterize uma ideologia, ou uma doutrina, estes profissionais estarão sendo antiéticos.

Se hoje perguntássemos as pessoas nas ruas o que ideologia de gênero, logo iriamos nos apavorar, com tamanhas desinformações. Infelizmente tem se espalhado boatos de que  a partir da aprovação dos planos municipais com a dita cuja ideologia de gênero ( coisas que não existe) ira se ter um único banheiro na escola, meninos e meninas ocupariam o mesmo banheiro. Mentira! Em momento alguma coisa vai se modificar . Outra coisa absurda que muita gente tem falado é que a escola vai ajudar a pessoa a escolher sua orientação sexual , em letra miúdas partindo do pressuposto das fala populares o filho ira para escola e de lá saíram gays ,lésbicas e assim por diante. Olha o tamanho da bobagem que as pessoas propagam.

Todos sabemos que quando crianças meninos e meninas nascem com seus respectivos órgãos sexuais diferentes ,porem a orientação heterossexual ou homossexual, não será os pais ,muito menos a  escola que iram decidir ,é uma escolha totalmente pessoal que o individuo fará.

A escola busca a igualdade de gêneros e a inclusão de todos os segmentos da sociedades ,sejam eles GLBTs , negros, indígenas, portadores de necessidades especiais e assim por diante . Um fator que a escola busca ter em seu currículo são os estudos de gênero  ,que são propostas teóricas e reflexões para combater a violência contra as mulheres, crianças , glbts ,defendendo o respeito as diversidades. A escola é feita por um plural e por uma diversidade de pessoas ,independente de sua cor,credo, orientação sexual.

O pior que a Ideologia de Gênero vem sendo propagada por  fundamentalistas religiosos que vivem naquele “mundo fechado” e não conseguem aceitar a diversidade. Outro fator é o medo da destruição da família, como já venho falando a instituição família vem sofrendo rupturas e nunca vai acabar ,ela vai se modificar em alguns pontos. Basta perceber e aceitar a diversidade que hoje faz parte do nosso cotidiano.

Para fechar ,antes de sairmos aos “quatros ventos” propagando teorias mirabolantes ,é importante pesquisar ,estudar e se informar,afinal um boato pode mexer com determinado grupo da sociedade e o fato se tornar distorcido. Aqueles intolerantes ,que não aceitam as diversidade ,sinto muito ,esta na hora de parar de bobagem e respeitar ,afinal as diferenças existem e elas precisam ser respeitadas.