Não precisamos de muito dinheiro para nossa felicidade. O conhecimento em tudo abrevia muitos gastos, possibilita o melhor entendimento em qualquer coisa que desejarmos realizar. Por vezes uma simples escolha acertada a partir de informações comparadas, nos possibilita realizar atividades que pareciam meros sonhos.

Temos que procurar entender os detalhes de tudo que fazemos. Há muitos atalhos, detalhes que nos garantem a otimização.

Seja em nossos direitos, seja na comparação de propostas, seja na aquisição de bem ou serviço, temos que fazem “profundo estudo” para evitar gastos desnecessários e termos algo agradável a realizar ou ter.

Entender com antecedência certos acontecimentos tem que estar em nossa pauta de atividades diárias.

Em recente viagem, com minha esposa Marta, a Porto Seguro-BA, tive outra comprovação desta teoria. Fiz grande estudo de muitos detalhes do Sul da Bahia, pesquisei detalhes na internet e junto a várias pessoas que já tinham ido ao local, e o resultado não poderia ser outro, uma maravilhosa estada de cinco dias.

Muitas histórias para contar. Bem aproveitado em vários aspectos. Aproximadamente 1600 fotografias entre os dois celulares e a câmera fotográfica.

Mas, voltando ao início desta crônica, quero transmitir detalhes numa espécie de guia de viagem. Nesse livro cito detalhes desde a escolha do local. Desejando auxiliar os leitores da obra literária conhecer o cotidiano que acompanhamos e, quem sabe, também fazer uma passeio para lá ou outro local aproveitando essas dicas.

Bom lembrar que o valor total da viagem girou em torno de R $ 5 mil, salientar que foram “pedalados” em 14 meses, mas valeu mesmo, ficamos satisfeitos. Na verdade superou minhas expectativas que imaginava não acompanhar todos esses trajetos.

Quero deixar a dica que muitos utilizam “o melhor ‘investimento’ é com viagens”. Sugiro que aproveite o máximo outras culturas, mesmo que distantes alguns quilômetros de tua cidade, até mesmo se for em um bairro ou distrito de onde reside. Há momentos que dedicamos valores mais elevados como ao comemorarmos nossos cinco anos de União Conjugal.

Em muitos outros momentos com pequeno valor visitamos outras culturas, como os haitianos no bairro São José, Farroupilha - RS. Ou nossos tios em Monte Belo do Sul, ambos com valores monetários insignificantes. 

Sobre o autor Roque JR

Roque JR é graduando em Sociologia e História na UCS, ambos os cursos mais de 50% das disciplinas cursadas. Fotógrafo há quase três décadas. Lançou sua primeira obra literária em 1999. Editor e historiador, já publicou 18 obras literárias. Foi fundador do CASFF, da UFES, do LEO Clube Farroupilha Imigrante, militante em várias áreas em especial no meio estudantil entre 1987-2014. Atualmente dedica-se a Literatura; à Luta antimanicomial, Saúde Mental e Saúde Pública.

Visitar site do autor

Lista de Artigos de Roque JR