Publicidade

Na tarde deste domingo (25), a equipe do Brasil de Farroupilha visitou o Esporte Clube Igrejinha, no Estádio Alberto Carlos Schwingler. A partida terminou com o placar de 2 a 1 para os donos da casa e com graves erros da arbitragem.

Na primeira etapa o time do Igrejinha conseguiu chegar com perigo ao gol de Jean com o camisa número 10 Lucas Lis, aos 10 minutos, quando bateu uma falta com perfeição e a bola explodiu na trave. Aos 10 minutos, Marcio recebeu o cruzamento pelo lado esquerdo de Wandeilson e de carrinho empurrou a bola para o fundo das redes, abrindo o placar em 1 a 0.  Na sequência, aos 12 minutos o Brasil de Farroupilha quase chegou ao gol de empate com Benhur, a bola sobrou para ele dentro da grande área e quase caindo finalizou forte, obrigando o goleiro Douglas da equipe do Igrejinha a praticar uma boa defesa, colocando a bola pela linha de fundo.  Aos 13 minutos, Lucas Lis avançou com a bola, entrou dentro da grande área e finalizou em cima do goleiro Jean, quase ampliando o placar. Mas aos 24 minutos, Léo Mineiro recebeu a bola de Pepe, livre e na frente do gol, só teve o trabalho de finalizar na saída do goleiro do Brasil de Farroupilha, colocando 2 a 0 no placar. Aos 29 minutos, Schumacher experimentou um chute de fora da área, a bola desviou no caminho e saiu ao lado do gol defendido por Douglas. Na sequência, Andrézinho cobrou o escanteio na cabeça de Gustavo Gomes, que desviou a bola por cima do gol. O Brasil conseguiu chegar ao seu gol com Jonatan aos 33 minutos, quando ele recebeu a bola por cima da defesa do Igrejinha, disparou em direção ao gol, driblou o goleiro e colocou a bola no fundo das redes. Aos 37 minutos, Itamar recebeu a bola em frente a grande área, driblou o zagueiro e foi puxado. Pênalti claro, mas não marcado pela equipe de arbitragem. Ainda no final da primeira etapa, Itamar ganhou de dois marcadores e largou a bola para Anderson, que de fora da área finalizou e a bola foi parar no fundo das redes. Mas o árbitro marcou uma falta de Itamar no lance. Com dois erros gravíssimos, terminou a primeira etapa, e o placa seguia em 2 a 1 para os mandantes.

O segundo tempo começou e a equipe do Igrejinha queria ampliar o marcador cedo, logo no primeiro minuto de jogo, o atacante Pepe finalizou de fora da área, obrigando Jean praticar uma linda defesa. 

Aos 12 minutos, Lucas Schulz chutou de fora da área e Jean estava bem colocado para fazer a defesa. Novamente Lucas Schulz aos 22 minutos, recebeu a bola por cima da defesa, finalizou forte e o arqueiro Rubro-Verde salvou e manteve o placar em 2 a 1 para a equipe do Igrejinha. Aos 25 minutos, Jonatan fez a inversão de bola para o lado esquerdo, encontrou Gustavo Moura, que cortou do marcador e finalizou cruzado, mas a bola saiu rente a trave do goleiro Douglas. Novamente Gustavo Moura, aos 33 minutos arriscou de fora da área, obrigando o goleiro Douglas espalmar para a linha de fundo. Aos 38 minutos foi a vez de Itamar, que recebeu a bola em frente a grande área, girou do marcador e finalizou de perna esquerda por cima do gol. Aos 48 minutos da etapa complementar, Anderson conseguiu driblar 3 marcadores e soltou para o atacante Itamar, que finalizou e marcou o gol. Mas o árbitro da partida voltou a jogada e marcou falta em cima do meia Anderson. Aos 51 minutos, Anderson fez a cobrança de falta, a bola foi por cima da barreira, mas o goleiro adversário conseguiu fazer bem a defesa.

Assim terminou a partida em Igrejinha, vitória para os donos da casa e com muitos erros da arbitragem da partida, influenciando na permanência do placar até o final.

O próximo desafio Rubro-Verde será diante da equipe do Tupi, na próxima quinta-feira, em Crissiumal. O confronto está marcado para as 15h30.

 

Ficha Técnica:

Igrejinha: Douglas, Dariel, Icaro, Roger, Otavio; Marcio, Bruno (Lucas Schulz), Wandeilson, Lucas Lis, Pepe; Leo Mineiro. Técnico: Everton Fabro

Brasil de Farroupilha: Jean, Léo Vacaria, Benhur, Gustavo Gomes, Paulo Roberto; Vanderson, Schumacher, Júlio Cesar (Anderson), Andrézinho (Gustavo Moura), Jonatan (João Pedro); Itamar. Técnico: Fernando Agostini

Gols: 10’ 1T Marcio (IGR); 24 1T Léo Mineiro (IGR) e 33’ 1T Jonatan (BF)

Foto:Divulgação | Fonte: Assessoria de Comunicação Serc Brasil

Publicidade