Publicidade

Sete escolas do interior do município receberam a vista da Recicleide, de 02 a 04 de agosto. A personagem interpretada por Karina Signori, mobiliou os estudantes e os incentivou a reduzirem a produção de resíduos e promoverem a reconexão dos ciclos de vida dos materiais, contribuindo para a efetivação da Política Nacional de Resíduos Sólidos. A ação foi organizada pela Secretaria de Meio Ambiente com apoio da Ecofar.

De forma divertida e dinâmica, adornada com materiais recicláveis, tocou pandeiro, Recicleide cantou e dançou, para divulgar simples práticas que podem melhorar realidades, através de suas intervenções cênicas. “Abordei de forma interativa a questão da consciência da Terra como uma mãe, os cuidados com as águas e os resíduos, a necessidade de se colocar no lugar no outro, em um mundo mais solidário e cooperativo. Foram três dias e dez turmas atingidas”, destaca a artista.

Os alunos das Escolas Nova Sardenha, Nossa Senhora das Graças, Treze de Maio, Júlio Mangoni, Nossa Senhora de Caravaggio, Carlos Paese e José Chesini ainda receberam lixeiras de papelão para destinar o lixo reciclável, que serão decoradas por eles.

Recicleide

Recicleide é marca registrada, empresa e personagem de Karina Signori, bacharel em artes cênicas pela UFRGS, arte educadora, pesquisadora em permacultura e dinâmicas EcoArte. Conta com consultoria técnica do biólogo permacultor Márcio Mortari. É articuladora do Movimento EcoArte lançado no FSM 2003. Com a música “EcoArte” convida o público a manifestar sua arte em favor da vida. Sonha com outros habitantes de Reciclópolis ajudando a cumprir sua difícil missão: Defender a Vida no Planeta.

Fotos: Neimar de Cesero/Ecofar | Fonte: Assessoria de Imprensa e Comunicação Social da Prefeitura de Farroupilha