Publicidade

A mudança de estação entre o inverno e a primavera e o aumento das temperaturas propiciam o surgimento de diversos insetos, que preferencialmente se reproduzem nesta época. Recentemente, a aparição de lagartas (também conhecidas como rugas) em residências e propriedades rurais está sendo notada com mais frequência, o que deixa a população em alerta. Porém, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente tranquiliza os moradores e garante que este tipo de infestação é normal nestes meses.

Diversas pessoas têm procurado a secretaria para buscar informações a respeito destes insetos, que, na maioria dos casos, são inofensivos. As lagartas representam uma fase no desenvolvimento das borboletas e mariposas. É neste momento da vida destes animais que eles se alimentam e crescem para entrar na fase de pupa (casulo) e, posteriormente, se transformar em borboleta.

Portanto, não há o que temer quanto ao surgimento dos insetos, tampouco é necessário matar ou exterminar os bichinhos. As borboletas, entretanto, são grandes responsáveis pela polinização de flores e frutos e tem um papel fundamental para a flora.

Taturanas são perigosas

Por outro lado, lagartas coloridas, com aspecto espinhento, como as taturanas, por exemplo são mais prejudiciais aos humanos, pois geralmente são venenosas, causando urticárias, alergias e até intoxicações mais graves. Por isso, é preciso tomar cuidado ao se aproximar destes insetos.

Foto: Reprodução/internet | Fonte: Assessoria de Imprensa e Comunicação Social da Prefeitura de Farroupilha