Publicidade

Após dois meses da Audiência Pública que tratou da perturbação do sossego público, a Comissão de Segurança da Câmara percebeu um maior engajamento por parte dos órgãos responsáveis.

Ocorrida no dia 26 de abril, a Audiência ouviu a Brigada Militar, Poder Executivo, moradores, proprietários de bares e conveniências. Com base nesta audiência, buscaram-se operações mais frequentes da Polícia Militar com apoio da Fiscalização de Trânsito e Conselho Tutelar. O Executivo Municipal criou o comitê integrado para tratar do assunto.

A Câmara de Vereadores, através dos vereadores Aldir Toffanin e Josué Paese Filho, representantes da Comissão de Segurança Pública, protocolou no Ministério Público nesta terça-feira a solicitação para que o MP insira na lista dos Compromissos de Ajustamento de Conduta (TAC) a aquisição de um decibelímetro para auxiliar nas operações da Brigada Militar.

Com esta aquisição, os policiais poderiam autuar os infratores sem a necessidade de haver um denunciante. A Comissão apresentou também, para a Secretaria de Esporte Lazer e Juventude, a sugestão para que realize uma campanha educativa em parceria com bares e conveniências do município.

Foto: Gabriel Venzon | Fonte: Câmara de vereadores de Farroupilha

Publicidade